Blog

Berrini One conta com o sistema Key Access para o controle de acesso


Os prédios mais tecnológicos, referência no mercado imobiliário, já estão se adaptando para a retomada do trabalho, de acordo com a nova situação que estamos vivendo por conta da pandemia pelo novo coronavírus. Um exemplo é o Berrini One: localizado entre dois grandes eixos urbanos (Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini e Av. dos Bandeirantes), o edifício ocupa uma posição privilegiada no lote, com vista contínua para o eixo do Rio Pinheiros.

Com 30 andares, 13 elevadores sociais e lajes a partir de 734m², o Berrini One é um novo marco arquitetônico na cidade de São Paulo e sede de empresas dos setores automotivo, seguros / previdência privada e jurídico. Possui certificação Green Building Gold e é classificado como AAA (Triple A), entrando para o seleto grupo dos melhores edifícios da cidade, sendo referência no padrão de especificações técnicas e imagem corporativa.

Agora toda essa estrutura conta com o Key Access para o controle de acesso digital, transformando a experiência de usuários e visitantes. Os processos tornaram-se digitais, trazendo mais segurança, rapidez e agilidade para o Berrini One, por meio de convites encaminhados pelo anfitrião diretamente para o smartphone do convidado, em um link. Ao chegar ao local no dia e horário indicados no evento, basta que o visitante efetue seu web check-in, sem a necessidade de contato com a recepção, evitando filas, burocracias e perda de tempo. A tecnologia também é uma aliada quando falamos na prevenção do contágio pela COVID-19, pois o Key Access evita que o usuário tenha contato físico com recepção, superfícies e objetos. O sistema também está adequado à Lei Geral de Proteção de Dados, garantindo a proteção das informações de visitantes, empresas e do condomínio.

O Berrini One também conta com o Sistema de Reconhecimento Facial, que garante a entrada pelos bloqueios sem a necessidade de toques em superfícies, crachás ou cartões pelos usuários fixos. O software detecta e localiza rostos humanos, mesmo com o uso de EPIs, óculos e maquiagem, ou variação de luz no ambiente, por exemplo. A tecnologia de alta precisão possui banco de dados com capacidade de armazenamento para até 100.000 usuários e pode ser integrado ao sistema Key Access. O sistema, implantado em todos os pontos de acesso do Berrini One, trouxe uma mudança significativa na rotina do edifício, que se tornou ainda mais seguro e eficaz.

A e-Vertical atuou em conjunto com a Bueno Neto na concepção do projeto, além de ter executado a obra de todos os sistemas de automação do empreendimento e as manter e operar remotamente.

“O Berrini One é um grande desafio. Resolvemos fazer um prédio absolutamente único em matéria de arquitetura, qualidade em arte e eficiência em um edifício corporativo. É totalmente automatizado, não tem portaria, todo mundo se cadastra, entra e é admitido pelo reconhecimento facial”. – Adalberto Bueno, sócio fundador da Bueno Netto.

A Operação de Segurança Remota da e-Vertical monitora mais de 32 câmeras de CFTV, em uma área de 32 mil m² e é integrada com a Operação Remota de BMS, em uma operação feita 24 horas por dia, 7 dias na semana.

Quer saber mais? Então acesse: www.evertical.com.br e www.keyaccess.com.br

Artigos relacionados

Duis autem vel eum iriure dolor in hendrerit in vulputate velit esse consequat vel illumdol

VER TODOS
Santander – Centro Tecnológico Campinas
LEIA MAIS
CENU – Centro Empresarial Nações Unidas
LEIA MAIS
Santa Maggiore Dubai
LEIA MAIS

2021 © e-Vertical Todos os Direitos Reservados.

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Privacidade para saber mais.