Blog

Touchless para empreendimentos: conte com o sistema Key Access


Cenas do cotidiano do mundo inteiro já foram alteradas devido à pandemia do COVID-19 e a nova rotina será desafiadora para todos. Antigos hábitos devem ser revistos e os cuidados devem ser redobrados para evitar novas ondas de contágio. Os lugares com maior circulação de pessoas são os mais vulneráveis e a tendência é o aumento da automatização para evitar o maior número possível de toques e interações entre pessoas e superfícies.

A reportagem publicada pelo jornal “O Estado de São Paulo” no dia 24 de maio de 2020, intitulada “Pós-Pandemia: como será o futuro dos escritórios?” mostra as tendências das ações que serão adotadas para a volta gradual dos colaboradores às empresas e edifícios comerciais. As buscas por projetos que se enquadram à nova realidade englobam tanto medidas de distanciamento entre mesas e cadeiras até a adoção de divisórias de acrílico, aumento de soluções de vídeo conferência e maior rotatividade dos colaboradores. (Confira a matéria completa pelo link: https://www.estadao.com.br/infograficos/economia,pos-pandemia-como-sera-o-futuro-dos-escritorios,1096321)

Muitos são os fatores de risco dentro de empresas e edifícios comerciais, a começar pela recepção que, muitas vezes promove aglomerações, principalmente nos horários de pico. Apesar do distanciamento social de um metro e meio ser recomendado, a medida não é 100% segura. Ao efetuar seu cadastro com a recepcionista, o visitante também fica exposto a partículas que podem contaminá-lo com a COVID-19. Objetos utilizados nos bloqueios como cartões de acesso também podem conter o vírus por conta de sua circulação entre diversas pessoas ao longo do dia e, muitas vezes sem a devida higienização, conforme as recomendações da OMS (Organização Mundial de Saúde).

No caso dos usuários fixos do edifício, o uso do crachá de acesso ainda é uma prática comum. Esse objeto é utilizado diversas vezes no dia, para a entrada e saída do edifício, além dos bloqueios internos e, muitas vezes é colocado em superfícies que podem estar contaminadas. A higienização com álcool em gel deve ser constante e feita toda hora, o que implica uma dedicação maior e que muitas vezes pode passar batida pela pressa e esquecimento.

Falando agora em tecnologia, especialistas afirmam que a tendência pós-pandemia é o aumento da automatização dos edifícios para evitar toques em superfícies. As soluções de acesso por cartão e crachá saem de cena e dão lugar ao reconhecimento facial e ao QR Code.

Dentre essas soluções, a e-Vertical recomenda o Key Access, uma transformação digital no controle de acesso que promove uma modernização na rotina de empresas, prédios comerciais, condomínios e demais empreendimentos. Além de estar totalmente adequado à Lei Geral de Proteção de Dados, o sistema permite que visitantes evitem aglomerações na recepção, contato com recepcionistas, cartões de acesso e superfícies. Ao realizar o web check-in em seu próprio smartphone, o convidado gera um QR Code diretamente na tela do seu celular para acessar os bloqueios, sem enfrentar filas, burocracias e situações de risco de contágio pelo novo coronavírus.

Usuários de edifícios que realizam seu acesso por meio de crachá agora contam tanto com o sistema de reconhecimento facial nas catracas quanto com o QR Code gerado pelo app Key Access Pass, substituindo o uso de cartões de acesso.

Prepare-se para o futuro! Saiba mais em: www.keyaccess.com.br

Artigos relacionados

Duis autem vel eum iriure dolor in hendrerit in vulputate velit esse consequat vel illumdol

VER TODOS
04 Dicas para reduzir custos em seu empreendimento
LEIA MAIS
Retrofit das catracas e controle de acesso digital: mais conforto e segurança para seu empreendimento
LEIA MAIS
Galpões Logísticos: é hora de mudar os processos, garantir segurança e reduzir os riscos
LEIA MAIS

2021 © e-Vertical Todos os Direitos Reservados.

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Privacidade para saber mais.